Desaf O De Materiais

12 ideias de fotografia 05 Uma lição de masterclass

Na figura 2 outra opção do decifrador binário e octal assíncrono no qual os sentidos só diretos de argumentos se usam se mostra. Contudo uma falta como isto e o esquema prévio é possível considerar que neles os elementos polytypic se usam.

Na figura 1 o esquema do decifrador de três entradas em PE mostra-se. A característica deste decifrador que usa sentidos só diretos de argumentos e trabalhos pelo princípio síncrono. Se no pneumático C alto potencial se der, o decifrador está aberto e trabalha propriamente; se neste pneumático houver 0 lógico correspondente potencial baixo, o decifrador fecha-se bloqueado) e em todas as suas saídas há zero. É óbvio se retirar o pneumático de pulsos de relógio e abaixar limiares de elementos na unidade, receberemos o decifrador assíncrono com a produção dvukhvkhodovy elementos.

No COMPUTADOR, e também em outros dispositivos do equipamento discreto muitas vezes há uma necessidade da transformação de um código binário de n-dígito a um código de um dígito com a base de E=2n ou a transformação de regresso. As unidades lógicas que executam tais transformações chamam-se respectivamente como decifradores e shifrator. Reveremos exemplos da criação de shifrator e decifradores em TE (elementos liminares) e FN (neurônios formais) abaixo.

A situação semelhante realiza-se e em caso da criação de decifradores em PE e FN. Para a criação do decifrador em PE no caso elementar é possível tomar PE realização de função I e construir o esquema completamente idêntico ao esquema em válvulas. Assim tanto os valores diretos, como inversos de argumentos como o decifrador realizam o sistema do uso de funções

Deste modo, se, como um elemento básico do decifrador FN que se usa em outros dispositivos como um elemento de recepção pode aplicar-se. Neste FN o OU elementos de entrada pode considerar-se como elementos I na lógica negativa. Retirando a informação de uma saída inversa de FN em elementos semelhantes, é possível realizar a função (1 decifradores.

Shifrator executa a função em frente do decifrador, que é transformará um código de um dígito com a base E=2n a um código binário de n-dígito. No momento da criação de um shifrator em PE e FN é possível usar os elementos que realizam o OU função com linhas diretas e saídas inversas. Na figura 4 o exemplo tal vosmerichno um binário shifrator mostra-se.

Usando PE de múltiplas portas com saídas diretas e inversas o decifrador pode construir-se nos mesmos elementos. Na figura 3 o decifrador binário e octal construído no mesmo PE mostra-se, cada um dos quais tem quatro entradas com escalas +1 e uma entrada que pesa 1, um limiar +2, saídas diretas e inversas. As funções necessárias do decifrador (1 - este elemento se realizam pela conexão de algumas entradas nos níveis 0 ou 1 lógicos constantes e remoção da informação de uma saída direta ou inversa de um elemento.